Sport tem início ruim e diretoria já planeja reforços e pausa da Copa América

por em 12/03/19 às 11:25




A temporada de 2019 não começou de forma positiva para o Sport. Após menos de três meses do início dos torneios, a equipe pernambucana já acumula alguns resultados negativos. O pior foi a eliminação na Copa do Brasil para o Tombense. Por isso, a comissão técnica já pensa em como aproveitar o primeiro semestre, inclusive com a pausa da Copa América, para render melhor até o final do ano.

Foram oito jogos disputados pelo Leão, até o final de fevereiro, e um aproveitamento de apenas 62,5%. Ou seja, a equipe conseguiu vencer cinco partidas, mas já acumula três derrotas na temporada. Apesar disso, a comissão técnica se mostra confiante pela evolução até os jogos mais decisivos. Porém, a torcida está desconfiada com o futuro do Sport até o final do ano, como mostra reportagem do Diário de Pernambuco.

Essa preocupação aumentou na eliminação da equipe na Copa do Brasil. O Leão enfrentou o Tombense, em Minas Gerais, e pouco viu a cor da bola. A equipe mineira atropelou e venceu por 3 a 0, garantindo vaga para fase seguinte. Para o elenco comandado por Guto Ferreira, só restou o Campeonato Pernambucano e a preocupação com o restante do ano. Com uma defesa que já levou cinco gols em oito jogos, é preciso ter cuidado na Série B.

No Campeonato Pernambucano, o Sport ainda tenta encontrar uma regularidade. Apesar de ter vencido o Náutico, dentro de casa, por 3 a 1, a equipe já acumula alguns sustos. Na estreia, ainda em janeiro, tropeçou no fraco Flamengo Arcoverde. Já no clássico contra o Santa Cruz, quase um mês depois, uma derrota pelo placar mínimo ligou o sinal amarelo. A ideia dos diretores é reforçar o time e aproveitar o calendário mais folgado do ano.

Pausa na Copa América

Se o Sport não conseguiu fazer uma boa pré-temporada em janeiro, uma nova chance vai acontecer no meio do ano. Todas as competições brasileiras vão ficar paradas entre os dias 14 de junho e 7 de julho. O motivo é a disputa da Copa América, que será sediada no Brasil e deve ganhar todos os focos da torcida. É chance de Tite conquistar o primeiro título com a Seleção e ainda começar a montar o time que vai disputar as Eliminatórias.

A Seleção Brasileira tem alguma pressão, já que é considerada favorita nas principais cotações online. No dia 7 de março, o portal da Betway coloca o Brasil em primeiro, com 38,2% de chance de título, deixando Argentina, Chile, Colômbia e Uruguai logo abaixo. Por isso, mesmo sem jogos da Copa América em Pernambuco, a torcida do Sport pode dividir o pensamento positivo para apoiar o elenco de Tite na disputa continental.

Já a comissão técnica e os jogadores devem trabalhar ainda mais na pausa. A ideia é que o time esqueça a pré-temporada feita com Milton Cruz, e utilize das datas da Copa América para melhorar. É importante que o Leão chegue forte no segundo semestre, e esteja pronto para lutar por uma das vagas na elite do futebol brasileiro. Com a equipe fora da Copa do Brasil, o principal objetivo será uma boa posição na Série B.

Reforços na temporada

Desde o final de fevereiro, o nome de Diego Souza circulou entre um dos possíveis reforços para temporada. Porém, a situação é bastante delicada, segundo reportagem publicada pelo jornal Superesporte. Atualmente, o meia tem um salário de R$ 650 mil no São Paulo, e precisaria abrir mão de quase metade para ficar no teto do Sport, algo que não parece ser um grande problema. A situação se complica no pagamento.

A equipe paulista exige cerca de R$ 1 milhão para liberar o antigo dono da camisa 10 do Sport. No entanto, os diretores afirmam que é impossível pagar este montante. A ideia de abrir mão de uma parte do valor pago pelo jovem Everton Felipe não foi bem vista. Por isso, é difícil imaginar em alguma chance de Diego Souza jogando pelo Leão em 2019.

Outros reforços já foram citados, como Zé Rafael do Palmeiras, porém nada foi confirmado, segundo o portal esportivo Futebol Interior. O Sport precisa de um elenco melhor, caso queira uma temporada mais tranquila. Pelo início do ano, Guto Ferreira terá muito trabalho, porém não vai faltar apoio. O objetivo será conquistar o Campeonato Pernambucano e chegar pronto para a disputa da Série B.

Outros reforços já foram citados, como Zé Rafael do Palmeiras, porém nada foi confirmado, segundo o portal esportivo Futebol Interior. O Sport precisa de um elenco melhor, caso queira uma temporada mais tranquila. Pelo início do ano, Guto Ferreira terá muito trabalho, porém não vai faltar apoio. O objetivo será conquistar o Campeonato Pernambucano e chegar pronto para a disputa da Série B.