No retorno da série A, Sport perde para o Ceará

por em 18/07/18 às 23:26




Foram 35 dias sem jogo, mas o Sport não conseguiu dar um belo presente de reencontro para os seus torcedores. No retorno da Série A, o Leão acabou derrotado por 1×0 para o Ceará, nesta quarta-feira (18), no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza. Melhor para o Ceará, que conseguiu a sua primeira vitória neste Brasileirão, Com o revés, os leoninos permaneceram com 19 pontos e devem perder posições no complemento da rodada.

O ritmo de jogo não foi algo sentido no Sport nesta volta do Brasileiro. Ao menos não no primeiro tempo. Com mais volume de jogo, o Leão esteve melhor durante os primeiros 45 minutos num esquema ofensivo armado por Claudinei Oliveira, com Gabriel dando uma bela dinâmica atuando como segundo volante.

É verdade que a movimentação ofensiva poderia ser um pouco mais ágil, mas ainda sim os pernambucanos chegavam bem ao ataque, mas erravam muito no último passe, no que resultaria na assistência. Mas a primeira chance veio de longa distância, com Fellipe Bastos mandando um chutaço para a grande defesa de Éverson. Marlone e Rafael Marques desperdiçam as outras duas oportunidades criadas.

Foto: Ceará SC

Na segunda etapa sim, um Sport mais sonolento, passando a dar espaço na parte defensiva. A situação ficou ainda pior quando Ernando, com apenas quatro minutos, deixou o campo por conta de lesão. Um minuto depois, Felipe Azevedo perdeu boa chance de cabeça. Mas, aos oito, o mesmo Azevedo cruzou na cabeça de Arthur, que deslocou Magrão: 1×0.

Apagado, Marlone deixou o campo para a entrada de Andrigo. E foi com o próprio Andrigo que o Leão quase chegou ao empate, mas Éverson fez boa defesa após enfiada de Fellipe Bastos. Apesar da posse de bola, o Rubro-negro continuou com dificuldade de criar para finalizar, sem conseguir dar mais um chute a gol no jogo. Melhor para o Ceará, que saiu de campo com a primeira vitória na Série A.

FICHA DO JOGO

Ceará 1
Éverson; Arnaldo, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas; Richardson (Valdo), Fabinho, Juninho e Reina (Eduardo Brock); Éder Luís (Arthur) e Felipe Azevedo. Técnico: Lisca.

Sport 0
Magrão; Raul Prata, Ernando (Max), Léo Ortiz e Sander; Fellipe Bastos, Gabriel, Michel Bastos, Marlone (Andrigo) e Rogério; Rafael Marques (Carlos Henrique). Técnico: Claudinei Oliveira.

Local: Presidente Vargas (em Fortaleza). Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ). Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha (ambos do RJ). Gol: Arthur (aos oito minutos do 2ºT). Público e renda: não divulgados.