Aposte em Bumbet

Dominando o jogo do começo ao fim, Sport vence o Bahia na Fonte Nova

por em 30/07/17 às 23:31

Sem nomes como Diego Souza e André, artilheiros do time na Série A 2017, o Sport teve heróis jovens e improváveis na vitória por 3×1 diante do Bahia, na Arena Fonte Nova. Acostumado a ser coadjuvante do camisa 87, Everton Felipe foi o principal articulador da equipe e autor de um belo gol – poderia ter feito outro, no final. O outro destaque, por incrível que pareça, foi o sempre contestado Lenis. Ele foi o autor de duas assistências e ainda deixou sua marca, acabando com um jejum de gols que o afligia desde abril. Com o resultado, o Leão acabou com um tabu de 28 anos sem vencer o Tricolor de Aço fora de casa e permaneceu no sexto lugar do Brasileirão, com 27 pontos.

Confira os melhores momentos da partida aqui.

Rodrigo, Thomás e Juninho. Foi esse o trio que teve a importante missão de substituir nada menos do que três dos principais jogadores do Sport: Rithely, Diego Souza e André, todos suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Mas quem começou logo cedo roubando o protagonismo do jogo foi Everton Felipe. Aos 17 minutos, Rodrigo desarmou bem e tocou para Lenis. O atacante cruzou rasteiro e Everton bateu de primeira para marcar abrir o placar.

Por muito pouco o camisa 97 não retribuiu o presente recebido por Lenis minutos antes. Everton achou o atacante livre pela direita, mais o camisa 7 bateu fraco nas mãos de Jean. Com mais posse de bola, o Bahia pouco verticalizou as jogadas. Régis era bem marcado e o meio-campo pernambucano não dava espaço para os mandantes utilizarem o que tinham de melhor, a velocidade.

Mais perigoso ofensivamente, o Bahia voltou pressionando os visitantes na segunda etapa. Primeiro, com Rafael Vaz, em chute que Magrão defendeu de forma espetacular. Everton Felipe respondeu logo depois, obrigando Jean a fazer boa defesa. Placar de 1×1 na disputa de defesas e na de gols. Isso porque Rodrigão aproveitou desatenção da zaga leonina e, de cabeça, empatou a partida.

Ronaldo Alves, que vacilou no gol tricolor, se redimiu logo em seguida. Lenis aproveitou rebote de escanteio, limpou dois marcadores e chutou cruzado para o defensor empurrar para o fundo das redes.

O famoso “lá e cá” tomou conta da Arena Fonte Nova. Lucas Fonseca e Rodrigão, de cabeça, quase empataram. Everton Felipe ainda perdeu gol incrível sozinho com Jean. No final, para coroar uma partida que surpreendeu até mesmo os mais otimistas rubro-negros, Lenis completou passe de Everton para deixar o seu e fechar o placar em 3×1.

FICHA DO JOGO 

Bahia 1

Jean, Régis Souza (Juninho), Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Renê Junior, Matheus Sales e Régis (Vinícius); Zé Rafael, Mendoza (Gustavo Ferrareis) e Rodrigão Técnico: Jorginho.

Sport 3
Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Henríquez e Mena; Patrick, Rodrigo (Fabrício), Everton Felipe, Thomás (Sander) e R.Lenis; Juninho (Índio). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Local: Arena Fonte Nova (Salvador).
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO). Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva e Cristhian Passos Sorence (ambos GO).
Gols: Everton Felipe (aos 17 do 1°T), Rodrigão (aos 13 do 2°T), Ronaldo Alves (aos 20 do 2°T) e Lenis (aos 46 do 2°T)
Cartões amarelos: Vinícius (B); Juninho, Patrick, Ronaldo Alves, Lenis, Thomás, Henriquez (S)
Público: 18.325
Renda: R$ 400.285,50