Sport vence o Cruzeiro no Mineirão e se afasta do Z4

por em 24/07/16 às 19:37




Com uma grande atuação técnica e tática, o Sport venceu o Cruzeiro em pleno Mineirão e conquistou três pontos preciosos na tabela do Campeonato Brasileiro da Série A. Os dois gols do Leão foram marcados pelo atacante Rogério, uma no primeiro tempo e outra na segunda etapa.

Com uma importante vitória, o Leão saiu da zona de rebaixamento e assumiu a 14ª colocação, com 18 pontos somados.

O próximo compromisso do Sport na competição é diante do Atlético-PR, sábado (30), ás 18:30, na Ilha do Retiro.

(Foto: Williams Aguiar/Sport/Divulgação)

(Foto: Williams Aguiar/Sport/Divulgação)

Primeiro Tempo

A primeira chegada ao ataque foi do Cruzeiro, aos nove minutos, com Arrascaeta que arriscou de fora da área e bateu próxima a meta de Magrão.

Aos 13 minutos, o Cruzeiro voltou a finalizar, com Arrascaeta que recebeu cruzamento de Abila e de primeira bateu muito em baixo da bola e mandou por cima do gol rubro-negro.

A pressão dos donos da casa era grande e aos 22 minutos, novamente o uruguaio Arrascaeta, recebeu cruzamento voltando e bateu mal, muito longe do gol.

O Cruzeiro seguia tentando e aos 29 minutos o ataque mineiro aproveitou falha da zaga leonina e William finalizou de carrinho, mas Magrão defendeu com os pés.

Na primeira chegada ao ataque, o Sport conseguiu marcar seu primeiro gol. Aos 37, Diego Souza deu grande passe para Rogério que saiu na cara do gol e mandou entre as pernas de Fábio, para abrir o placar.

A resposta do Cruzeiro foi rápida e aos 39, Ábila pegou sobra na meia-lua e mandou pra fora.

O Cruzeiro tentou o empate aos 45 minutos, com Rafael  Sóbis, que bateu forte e Magrão defendeu bem, para salvar o Leão.

Segundo Tempo

Atrás do placar, o Cruzeiro chegou logo aos quatro minutos, com William que recebeu cruzamento de esquerda, mas bateu mal, sem perigo ao gol de Magrão.

Aos cinco minutos o Sport marcou seu segundo gol, com uma linda jogada de Everton Felipe, que deixou seus marcadores no caminho e passou para Rogério, que na entrada da área, bateu colocado de chapa, sem chances de defesa para Fábio.

Pressionado pela torcida, o Cruzeiro partiu para o desespero e aos 14 minutos, Ábila recebeu na grande área e de cara para Magrão, bateu de canhota, pra fora.

Aos 16 minutos, o Sport perdeu uma grande chance de marcar o terceiro. Após contra ataque armado, Rogério passou para Diego Souza que recebeu na cara do gol e aos invés de bater, tentou tocar e desperdiçou boa oportunidade.

O Cruzeiro tentou diminuir aos 19 minutos, com Bruno Rodrigo que cabeceou firme, mas Rodney Wallace bem colocado, tirou em cima da linha.

Aos 21, a Raposa voltou a atacar com Ábila que recebeu em boas condições e de cara para o gol mandou de cavadinha, mas Magrão conseguiu tocar na bola e salvou o Leão de tomar o gol.

A pressão seguia e aos 23, Rafael Sóbis mandou de fora da área e a bola raspou trave, assustando a meta de Magrão.

Aos 30 minutos, Magrão praticou uma grande milagre em defender chute em cima da linha, na batida de Rafael Sóbis.

Aos 39, o Cruzeiro seguia tentando e após levantamento na grande área, Bruno Rodrigo cabeceou no travessão.

Já no fim, aos 46 minutos o Cruzeiro conseguiu marcar seu gol de honra, com William que aproveitou vacilo da zaga rubro-negra e de cabeça mandou para as redes.

No último minuto o Leão ainda teve a chance de ampliar, com Mark González que recebeu pela esquerda da entrada da área e bateu forte, mas Fábio segurou firme.

Ficha do Jogo – Cruzeiro 1×2 Sport

Cruzeiro: Fábio; Lucas (Douglas Coutinho), Léo, Bruno Rodrigo e Edimar; Henrique, Ariel Cabral (Robinho) e Arrascaeta; Willian, Sobis e Ábila (Rafinha). Técnico: Paulo Bento.

Sport:
Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Rodney Wallace; Rithely, Serginho, Everton Felipe, Diego Souza (Túlio de Melo) e Rogério (Mark González); Edmílson (Rodrigo Mancha). Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Local: Arena Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

Horário: 16 horas.

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS).

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Alex Ang Ribeiro (Ambos do SP).

Gols do Sport: Rogério, aos 37 minutos do primeiro tempo e aos 5 minutos do segundo tempo.

Gol do Cruzeiro: Willian, aos 47 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Arrascaeta (Cruzeiro); Rodney Wallace, Magrão, Serginho, Rogério (Sport).

Público: 18.861.

Renda: R$ 497.403,00