De virada, Sport vence o Santa Cruz por 2 a 1

por em às 19:44




Com uma postura totalmente diferente na segunda etapa, o Sport venceu o Santa Cruz de virada, no primeiro Clássico das Multidões do ano. Os gols do rubro-negro foram marcados por Luiz Antônio e Túlio de Melo.

Com o resultado positivo, o Leão assumiu a 4ª colocação no Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano.

O próximo desafio do Sport é pela Copa do Nordeste, onde no grupo D, enfrenta o River-PI, quarta-feira (24), ás 21:45, no Albertão, em Teresina.

1456090413-tulio (1)

(Foto: Williams Aguiar/Sport/Divulgação)

Primeiro Tempo

O Sport começou mal o Clássico, sem espaços para criar e sofrendo uma pressão inicial do Santa Cruz.

Aos quatro minutos, Wallyson invadiu a área, puxou para a direita e tentou marcar, mas mandou por cima do gol.

O Leão reagiu aos sete minutos, com Gabriel Xavier, que recebeu na grande área, driblou o seu marcador e mandou forte, mas Tiago Cardoso segurou.

O primeiro gol do clássico foi Tricolor, aos oito minutos, com Grafite, que aproveitou cruzamento na área e de esquerda, mandou para o fundo das redes.

Aos 21 minutos, quase que o Santa ampliava o resultado, com Wallyson, que recebeu pela direita da grande área e chutou, parando na defesa de Danilo Fernandes.

Crescendo na partida, o Sport tentou empatar aos 25 minutos, com Luiz Antônio que de fora da área arriscou, mas Tiago Cardoso espalmou.

Aos 31, nova chegada do Leão com Lenis, que recebeu na entrada da área e bateu colocado, mandando para fora.

Muito acionado, Lenis recebeu mais uma bola na grande área, mas na hora de finalizar, bateu fraco e parou em nova defesa do goleiro coral.

Outra vez, ele, Reinaldo Lenis parou em Tiago Cardoso. os 39, o camisa 7 rubro-negro, recebeu pela esquerda da grande área  e bateu de primeira, em cima do arqueiro adversário.

A última chance de empatar o jogo foi aos 45 minutos, com Luiz Antônio, que mandou mais uma bomba de fora da área, Tiago Cardoso se esticou todo e espalmou para fora.

Segundo Tempo

Ligado na segunda etapa, o Sport manteve a boa posse de bola e logo aos seis minutos, conseguiu o empate, com Luiz Antônio, que aproveitou cruzamento na área, para chegar batendo forte, no ângulo de Tiago Cardoso.

Aos 10 minutos, quase pintou o gol do Santa Cruz. Em posição irregular, Grafite recebeu na grande área e bateu para fora, para sorte do Leão.

Em jogada faltosa, Grafite ganhou de Durval, avançou pela direita da grande área e bateu forte, mas Danilo Fernandes defendeu firme.

Com mais volume de jogo, o Sport conseguiu a virada aos 34 minutos. Everton Felipe, recebeu pela direita da área, cruzou e de carrinho, Túlio de Melo mandou para as redes, para delírio do torcedor rubro-negro.

Após o gol, o Sport seguiu controlando o volume de jogo, tocando a bola com tranquilidade, até o juiz apitar o final da partida, que aconteceu aos 48 minutos.

Ficha do Jogo – Sport 2×1 Santa Cruz

Sport: Danilo Fernandes; Ronaldo, Matheus Ferraz, Durval e Renê; Serginho (Éverton Felipe), Rithely, Luís Antônio e Gabriel Xavier (Neto Moura); Reinaldo Lênis (Johnathan Vilela) e Túlio de Melo. Técnico: Paulo Roberto Falcão.

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vítor, Alemão, Danny Morais e Allan Vieira (Tiago Costa); Lucas Gomes, Renatinho e João Paulo; Wallyson (Raniel), Lelê e Grafite. Técnico: Marcelo Martelotte.

Competição: Campeonato Pernambucano (Hexagonal do Título – 4ª rodada).

Local: Ilha do Retiro, em Recife (PE).

Árbitro: Sebastião Rufino Filho.

Assistentes: Clóvis Amaral e Elan Vieira.

Cartões Amarelos: Gabriel Xavier e Túlio de Melo (Sport); Grafite, Vitor e Lucas Gomes (Santa Cruz).

Gols do Sport: Luiz Antônio, aos sete minutos do segundo e Túlio de Melo, aos 35 minutos do segundo tempo.

Gol do Santa: Grafite, aos nove minutos do primeiro tempo.