Sport perde para o Santos e garante classificação na Copa Sul-americana

por em 23/07/15 às 0:52




O Sport lutou até o fim, mas não conseguiu evitar a derrota para o Santos pelo placar de 3 a 1. O único gol rubro-negro foi marcado por Diego Souza, em bela cobrança de falta.

Com a eliminação na Copa do Brasil, o Leão garantiu vaga nesta edição da Copa Sul-americana, onde enfrenta o Bahia, em um grande clássico nordestino.

O foco do Sport volta para o Campeonato Brasileiro da Série A, onde o Leão encara neste sábado (25), o Grêmio, ás 19:30, na Arena do Grêmio. O jogo é válido pela 15ª rodada da competição nacional.

Primeiro Tempo

Logo no primeiro minuto de jogo o Leão tomou um banho de água fria do Peixe. No primeiro ataque, o Santos marcou com Gabriel que recebeu cruzamento de Zeca e de carrinho mandou para as redes.

O Santos pressionava no começo da partida e aos quatro minutos, Gabriel recebeu da entrada da área e bateu colocado, a bola passou próximo a meta de Danilo Fernandes.

O Sport seguia mal na partida, com muitos erros de passes, o que facilitava bastante a marcação adversária.

A primeira finalização do Leão foi aos 22. A zaga santista afastou mal com Werley e a bola sobrou na cara do gol para Diego Souza, que mesmo desequilibrado, bateu forte e a bola desviou na zaga e foi para a linha de fundo.

Quando começava a melhorar na partida, o Sport levou o segundo gol. Renê cabeceou errado para trás e a bola achou Ricardo Oliveira, que avançou pela direita e cruzou na medida para Gabriel, que na marca do pênalti, só teve o trabalho de escorar a bola.

Não demorou muito e o Leão respondeu, diminuindo o placar. Em cobrança de falta, Diego Souza soltou uma bomba, a bola desviou na defesa santista e enganou Vladimir, que não conseguiu evitar o gol leonino.

No final do jogo, o Sport até tentou pressionar o Santos, mas falhou no último passe.

Segundo Tempo

Logo na primeira grande jogada da segunda etapa, o Santos aumentou a vantagem. Aos 12 minutos, Renato lançou nas costas da zaga rubro-negra e Geovânio ficou na cara do gol, para mandar para as redes.

Aos 18, quase pintava o quarto gol santista. Gabriel passou para Geovânio, que invadiu a direita da grande área e bateu forte, a bola bateu em Danilo Fernandes e explodiu na trave.

O Leão respondeu com perigo aos 20 minutos. Diego Souza arriscou de fora da área e a bola passou muito perto da trave alvinegra.

Aos 26, o Sport tentou mais uma. Após boa troca de passes, Régis rolou para Wendel, que chegou batendo colocado e a bola raspou o ângulo.

O Santos voltou a ter grande chance aos 30. Após cobrança de falta, a bola desviou na zaga e sobrou para David Braz, que bateu mal, para fora.

A partir dos 35 minutos, o Sport tentou mandar bolas para o ataque de qualquer maneira, tentando conseguir o gol que lhe daria a vaga nas oitavas da Copa do Brasil. O Santos se defendia bem e segurava a pressão leonina.

O último lance de perigo do jogo foi do Santos, em contra-ataque. Aos 48, Rafael Longuine recebeu na entrada da área e bateu mal, por cima do gol.

Ficha do Jogo – Santos (4) 3×1 (3) Sport

Santos: Vanderlei; Vítor Ferraz, Werley, David Braz e Zeca; Paulo Ricardo, Renato e Marquinhos Gabriel (Elano); Geuvânio, Ricardo Oliveira (Nílson) e Gabriel (Rafael Longuine). Técnico: Dorival Júnior.

Sport: Danilo Fernandes; Ferrugem, Ewerton Páscoa, Durval e Renê; Rithely (Wendel), Rodrigo Mancha e Diego Souza; Élber (Régis), André e Marlone (Samuel). Técnico: Eduardo Baptista.

Competição: Copa do Brasil (Jogo de volta – 3ª fase)

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP).

Árbitro: Paulo Salmazio (MS).

Assistentes: Eduardo da Cruz (MS) e Fabiano Ramires (ES).

Gols: Gabriel, a um minuto do primeiro e aos 37 minutos do primeiro tempo; Geuvânio, aos 13 minutos do segundo tempo para o Santos; Diego Souza, aos 39 minutos do primeiro tempo para o Sport.

Cartões amarelos: Vanderlei, Vítor Ferraz, Werley, Elano e Ricardo Oliveira (Santos); Renê, Ferrugem e Rodrigo Mancha (Sport).

Público: 8. 370

Renda: R$ 192.185,00