Basquete masculino segue se reforçando para a disputa da LDB

por em às 11:36




O Sport está se preparando de forma intensa para a disputa da Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB), marcada para começar no final deste mês. Após uma semana de treinos e jogos amistosos na Argentina, os rubro-negros agora seguem trabalhando no Recife. Além das movimentações diárias comandadas pelo técnico Ricardo Oliveira e toda sua comissão técnica, o time tem se preparado também nos bastidores. Adquiriu um piso novo, que possui a mesma tecnologia utilizada pelos grandes clubes do mundo, e segue se reforçando. Uma prova disso foi o anúnco de um pacote de reforços nesta semana.

Um dos reforços já vinha treinando com o time desde a Argentina. Trata-se do argentino Matias Bernardini, de 20 anos, que deve ser um dos principais nomes do grupo do Sport na LDB. Bom marcador e dono de um arremesse certeiro, o ala deve ajudar bastante o Leão no Nacional. “Espero jogar bem e ajudar o Sport a conquistar seu objetivo”, afirmou o hermano, que parece ter herdado o DNA do pai, que chegou a ser jogador profissional e defendeu grandes clubes argentinos.

Os outros dois atletas são novidades e foram pedidos pelo técnico Ricardo Oliveira. O armador paulista Gabriel Lourenço e o ala goiano Chandler Chaves fecham o ciclo de contratações da equipe para a primeira fase da Liga. “São jogadores importantes e que chegam para nos ajudar a buscar nossos objetivos. O importante é que toda contratação nos deixa ainda mais fortes. Temos um grande elenco e queremos fazer uma grande competição”, declarou o treinador.

Com toda a estrutura montada, elenco forte, comissão técnica completa e trabalhando muito para conquistar a LDB e garantir a vaga na Copa América, o que o grupo rubro-negro espera é o apoio da torcida, que deve lotar o ginásio Marcelino Lopes nos dias de jogos do Leão.

Ficha dos contratados:

Nome: Gabriel Lourenço Tenório
Posição: Armador
Nascimento: 8/03/1992 em Jundiaí/SP
Altura: 1,94m
Peso: 84kg

Como começou a carreira: “Comecei a jogar por causa do meu pai, que era jogador profissional. O vi jogando uma vez e tive o incentivo certo pra continuar.”

Qual a primeira impressão de Recife: “A cidade é muito quente, e olha que me disseram que está no inverno (risos). Mas achei a cidade bem bonita.”

Principais objetivos no Sport: “Me destacar nessa LDB, continuar para a Liga Ouro e já pensar numa NBB em 2015.”
Nome: Chandler Iury Chaves
Posição: Ala
Nascimento: 19/06/1992 em Itumbiara/GO
Altura: 2,01m
Peso: 93kg

Como começou a carreira: “Foi a indicação de um amigo para uma escolinha de basquete que estava iniciando na minha cidade. Como na época eu era mais alto que os outros meninos e nenhum outro esporte estava dando certo, decidi tentar. Daí então comecei a pegar gosto e estou jogando até hoje”

Qual a primeira impressão de Recife: “A cidade é bem quente, mas estou gostando do ambiente do time e a adaptação fica mais fácil porque já conheço muitos atletas que jogam aqui.”

Principais objetivos no Sport: “Quero ajudar o Sport a chegar longe nessa LDB e consequentemente na Copa América. Além disso, tenho alguns objetivos pessoais e gostaria de realizá-los aqui.”

Redação MeuSport