Sport faz gol no final e consegue a primeira vitória fora de casa

por em às 22:05




Uma bola. Bem ao seu estilo, o Sport fez um jogo pautado pela disciplina tática, aplicando uma forte marcação e jogando nos espaços cedidos pelo Coritiba. Um jogo morno no Couto Pereira. Pelo menos, até os 40 minutos do segundo tempo, quando Rithely aproveitou o rebote da cobrança de falta de Neto Baiano para decretar a vitória leonina.

Com o triunfo, o primeiro fora de casa neste Brasileiro, os rubro-negros chegaram aos sete pontos, saltando para a 6ª posição. Agora, depois de duas rodadas longe de seus domínios, o próximo compromisso pela Série A é com o Bahia, no domingo, na Ilha do Retiro. Mas antes, o Sport encara o Paysandu, no Mangueirão, quinta-feira, pela Copa do Brasil.

Mesmo armado com uma formação inédita pelo técnico Eduardo Baptista, o Sport manteve sua proposta de forte marcação e contra-ataques rápidos. E o cenário observado em outras rodadas se repetiu também no Couto Pereira. Jogando em casa, o Coritiba tinha mais volume e força ofensiva. Entretanto, o bom posicionamento do Leão diminuía os riscos das investidas do Coxa Branca. Além disso, os rubro-negros davam motivos para que a zaga coritibana se mantivesse alerta – ainda que em lances pontuais. Não por acaso, foi da equipe pernambucana a melhor chance da etapa inicial, quando no último lance, o atacante Leonardo arriscou um bom chute de fora da área, obrigando o goleiro Vanderlei a espalmar a bola pela linha de fundo.

No entanto, logo em sua primeira boa investida no segundo tempo, o Coritiba deixou claro que não abriria mão do controle da partida com facilidade. Numa boa jogada pela direita, Norberto se livrou da marcação de Rodrigo Mancha, chegou à linha de fundo e cruzou rasteiro. O ex-rubro-negro Moacir tentou completar de letra, mas furou e a bola passou limpa por toda a extensão da pequena área leonina. Pouco depois, Alex carimbou o travessão de Magrão aproveitando o passe errado de Renan Oliveira.
Foi a deixa para Eduardo Baptista mexer em sua equipe.

Com Danilo na vaga de Renan Oliveira, o Sport cresceu ofensivamente, deixando o jogo mais aberto, uma vez que o Coritiba não abriu mão de sua postura. Mas pouco depois de desperdiçar um bom cruzamento, Danilo torceu o tornozelo direito e precisou ser substituído por Igor. A partir daí, o jogo ficou mais truncado entre as intermediárias. Entretanto, quando o 0 a 0 começava a virar uma realidade, o Leão marcou o gol da vitória. Aos 40 minutos, o goleiro Vanderlei espalmou a cobrança de falta de Neto Baiano e, no rebote, Rithely empurrou para dentro.

Ficha do Jogo

Coritiba 0
Vanderlei; Moacir (Roni, aos 27’ do 2º T), Luccas Claro, Leandro Almeida e Carlinhos (Dener, no intervalo); Baraka, Chico, Norberto, Alex (Geraldo, aos 17’ do 2º T) e Jajá; Zé Love. Técnico: Celso Roth.

Sport 1
Magrão; Patric, Ferron, Durval e Renê; Rodrigo Mancha, Augusto (Felipe Azevedo, aos 26’ do 2º T), Rithely e Renan Oliveira (Danilo, aos 14’ do 2º T) (Igor, aos 32’ do 2º T); Neto Baiano e Leonardo. Técnico: Eduardo Baptista.

Local: Estádio Couto Pereira (Curitiba).
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (Asp. Fifa-RS).
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Asp. Fifa-RS) e Lúcio Beiersdorf Flor (RS).
Gols: Rithely (40’ do 2º T)
Cartões amarelos: Carlinhos, Chico, Leandro Almeida (Coritiba) e Leonardo (Sport)
Público: 12.509.
Renda: R$ 165.586,00.

Redação MeuSport
Com informações do SuperEsportes