Sport embarca para tentar fazer história em Portugal

por em 17/11/13 às 14:58




Menos de um mês após conquistar o Campeonato Brasileiro, o time de hóquei adulto masculino do Sport embarca para o jogo mais importante da sua história, a final da Taça Intercontinental 2013. A decisão será contra o Benfica, o atual campeão europeu, às 17h (de Lisboa), na cidade de Torres Novas, em Portugal. O Leão se classificou para a decisão por ter vencido o Sul-Americano de 2012. Para dar condições de os atletas viajarem, o Sport bancou parte das passagens e a Prefeitura do Recife, outra parte.

Esta será a segunda vez que um brasileiro chega à final da competição. O primeiro foi o Sertãozinho, que foi derrotado pelo Barcelos (Portugal), em 1991. Para conquistar a taça inédita para o País, o Sport manteve a base do Brasileiro e ainda trouxe mais reforços, dentre eles o goleiro da Seleção do Chile, Maxi Torres, e o defensor argentino Juan Soria, além dos já conhecidos da torcida leonina e também Fabrício e Martin, o ídolo e artilheiro da equipe.

Sobre o adversário, uma verdadeira pedreira. “Conhecemos muito bem o Benfica. Peguei informações com alguns atletas que joguei junto em Portugal e descobri que eles estão com um time bastante qualificado. São atletas das seleções portuguesa, argentina e espanhola. Mas isso não amedronta. Somos Sport”, afirmou o capitão e técnico do Leão, Bruno Matos.

Após a Taça Intercontinental, os rubro-negros entrarão na fase final de preparação para buscar o bicampeonato sul-americano, que será disputado entre os dias 26 e 30 deste mês, em Santiago, no Chile. “Estamos treinando há alguns meses para três competições. Conquistamos o Brasileiro, vamos em busca da Taça Intercontinental e depois do Sul-Americano. São três títulos muito difíceis, mas temos condições de vencer e vamos atrás disso”, finalizou Matos.

Redação MeuSport
Com informações do site oficial / André Albuquerque