Reapresentação ocorre amanhã

por em às 0:25




O Sport vai iniciar os preparativos para a temporada de 2006 sem um novo técnico e com poucos jogadores. Na reapresentação de amanhã, na Ilha do Retiro, às 15h30, apenas seis jogadores – o atacante Jadílson não teve a sua presença confirmada – efetivamente começam o período de testes físicos e exames. O goleiro Magrão, o volante Leanderson, o atacante Marco Antônio, o lateral-esquerdo Possato e os zagueiros Baggio e Leo Oliveira.

A reapresentação de Jadílson, que acertou seu contrato com o Sport, ainda depende da liberação da documentação por parte do Atlético-PR. O clube paranaense vai receber R$ 70 mil pelo empréstimo do jogador.

Dos jogadores que estão disputando a Copa Pernambuco devem participar da reapresentação Marcos Tamandaré, Leo Paulista, Geraldo, Diego, Heider, Zé Paulo e Flávio.

Outros atletas deverão comparecer para resolver suas pendências rescisórias. O goleiro Maizena e o lateral-esquerdo Marquinhos. O zagueiro Sandro, que acertou tudo com o clube, mas não assinou a rescisão, também deverá se apresentar.

O diretor de futebol Homero Lacerda adiantou que não é preciso a presença do técnico. Segundo ele, os primeiros dias serão dedicados aos exames e testes físicos. “Estamos adiantando os trabalhos. Quando técnico chegar terá em mãos os resultados dos testes de alguns jogadores. Sabemos que o ideal seria ter treinador logo no inícios. Mas teremos dois meses até o início do Campeonato Pernambucano (8 de janeiro) de preparação.”

Além da vinda do novo técnico, a diretoria rubro-negra está consciente da necessidade da contratação de novos jogadores em todos os setores. O elenco vai precisa de mais um ou dois goleiros, laterais, zagueiros, volantes, meias e atacantes. Homero Lacerda, porém assegura que alguns nomes estão na lista.

“Não estamos parados. Estamos observando alguns jogadores, que terão os seus nomes repassados ao futuro treinador. Só pedimos um pouco de paciência aos torcedores”, comentou Homero Lacerda.

Giba, da Portuguesa, e Estevam Soares, da Ponte Preta, continuam sendo os nomes mais fortes para comandar o Sport em 2006. Homero, no entanto, não confirma, mas acrescenta: “Há dois nomes bem cotados. Mas não posso revelar. Vamos esperar um pouco mais, pois os dois estão empregados e disputando as suas competições.”