Jadílson ainda mais próximo da Ilha

por em às 7:40




A semana também pode ser decisiva para a volta de Jadílson ao Sport. O atacante segue sem ser aproveitado no Atlético Paranaense e os pernambucanos aproveitam o fato para aumentar a pressão em cima dos dirigentes do Furacão. Para facilitar o retorno, o Leão colocará à disposição três pratas-da-casa: Heider, Zé Paulo e Leozinho, este último poderá voltar do Vasco da Gama a qualquer momento. Assim, uma possível exigência financeira seria amaciada. O empresário Nivaldo Silva, representante do atleta em questão e intermediário entre os dois clubes, garante que a possibilidade de o jogador se apresentar na próxima quinta-feira, data da reapresentação para o elenco de profissionais, é grande, afinal, esta é a vontade do próprio Jadílson.

A simples negociação para o retorno do atacante, aliás, pode acabar resultando numa espécie de parceria entre Sport e Atlético Paranaense. Assim como o Leão está disposto a ceder jovens revelações, o Furacão, segundo Nivaldo Silva, poderia incluir na transação o meia Rodriguinho e o volante Wellington. “Tenho bom trânsito com os dirigentes dos dois clubes e eles sabem que não iria indicar jogadores sem qualidade. Um bom exemplo disso foi a vinda do próprio Jadílson para o Sport. Ele não era conhecido da torcida, mas mostrou que tinha qualidade para vestir a camisa de qualquer time grande. Só não está jogando pelo Atlético Paranaense porque chegou no meio da competição. Não tem como disputar a vaga com quem já está firmado e atuando bem”, disse Nivaldo Silva.

Tanto empenho pela volta de Jadílson por parte do Sport foi gerado no final da primeira fase da Série B. Ele esteve presente nos quatro últimos confrontos da etapa, dois entre os titulares e dois como reserva, e marcou quatro gols. O jogador iniciou a carreira no Unibol e rapidamente chamou a atenção do Furacão. Depois de contratado, foi emprestado ao Petrolina e alcançou a viceartilharia do Pernambucano de 2002. Passou rapidamente pela Arena da Baixada e partiu para duas temporadas nos Emirados Árabes, antes de vestir a camisa do Leão.