Após dois anos, o Sport volta à Copa São Paulo

por em às 0:12




Uma briga generalizada, em 2002, nas quartas-de-final da Copa São Paulo, fez a organização do importante torneio suspender por dois anos o Sport da competição que reúne a nata dos juniores do Brasil. A partir da próxima quarta-feira, no entanto, os comandados do técnico Nereu Pinheiro voltam a representar o rubro-negro, que historicamente faz boas apresentações no certame. A idéia, desta vez, além de brigar pelo título, é mostrar que futebol se faz com a bola no pé, e não trocando socos e pontapés.

O Sport caiu no grupo G e terá que sobrepujar equipes desconhecidas do grande público – Atlético de Sorocaba-SP, Iraty-PR e Lençoense-SP –, deixando os garotos, até certo ponto, apreensivos, sem saber o que encontrarão pela frente.

De última hora, o time sofreu um desfalque importante. O meia Leozinho, uma das estrelas reveladas nas categorias de base do clube da Ilha, pode ser emprestado ao Vasco, e não viaja com o elenco, terça-feira. Nada que preocupe a comissão técnica leonina, que para a posição do jogador tem um substituto à altura: o habilidoso Cafezinho, ex-Santa Cruz, que chegou ao clube no fim de novembro, pelas mãos do próprio Nereu, que o treinou no tricolor, há dois anos. Na realidade, Cafezinho e outro articulador de jogadas, Diego, são as maiores esperanças da equipe na competição nacional.