Heriberto da Cunha é o técnico do centenário

por em às 0:12




Agora é fato: o técnico Heriberto da Cunha é oficialmente o treinador do Sport – ou dependendo da situação do time em 2005, o primeiro deles –, no ano do centenário do clube. A direção rubro-negra prorrogou seu contrato por mais um ano. Segundo Heriberto da Cunha, o novo acerto foi bom para ambas as partes. “Agora é contratar os atletas e formar um time que procure participar das finais dos campeonatos que disputaremos no próximo ano”, afirmou.

A questão da permanência de Heriberto se arrasta desde a desclassificação do time na Série B do Campeonato Brasileiro, no fim de setembro. De lá para cá, devido ao processo pré-eleitoral tenso, com a possibilidade de uma batida de chapa – o que não aconteceu no dia da eleição, na semana passada –, era preciso esperar a nova diretoria para a decisão final.

O treinador sempre se mostrou tranqüilo, mesmo sem saber o que o futuro lhe guardava. “Tenho contrato até o dia 31 de dezembro. Ainda há tempo para conversar”, costumava afirmar, ao ser indagado sobre o fato de estar na ‘corda-bamba’.

Heriberto é um tipo de treinador que não se importa com assinatura de contrato. É ele mesmo quem se define assim. O técnico diz que, desde o início, confiou na palavra dos dirigentes, principalmente do presidente Severino Otávio (Branquinho), que sempre mostrou predileção pelo seu trabalho, e fez até ‘campanha’ dentro da Ilha do Retiro para que ele permanecesse no cargo.